In health and wellbeing how to make the best decision for yourself intuição intuition

How to make the best decision for yourself




Making the best decision can sometimes be really difficult, mainly if you have people around you telling what you should do all the time. Nevertheless, there are some important tips that make all the difference:

1. Acknowledge that what is good for someone else, may not be good for you. This means that each one has a different path and different personality and we are not here to follow other's wishes for us. We are responsible for our life, our decisions and their consequences.

2. You can follow your body's signs and emotions to guide you. For example, imagine that you have two options to solve a problem. When you think about option 1 and imagine it you feel very sad or upset or even ill and when you think about option 2 you feel very happy. You should, obviously, chose option 2. Just be aware of the cause of feeling bad. Sometimes we know which is the best option, but we are afraid it won't work out or we are afraid we can't do it. If that's the case, you have to chose this option and visualize a positive outcome. Sometimes we do have to overcome our own fears to become happier and grow.

3. Listen to your intuition. This is the best advice I can give you. The more you listen to it, the better your life will flow. Intuition ís your best personal guide. 

4. You can develop your intuition starting with meditation. Here's a video with some tips and a meditation to help you. 

:)


Tomar a melhor decisão pode ser difícil, principalmente se tivermos pessoas à nossa volta a dizer-nos constantemente o que devemos fazer. No entanto, há algumas dicas que fazem toda a diferença:

1. Entende que o que é bom para outra pessoa, pode não ser bom para ti. Isto significa que cada um tem um caminho diferente, uma personalidade diferente e não estamos aqui para seguirmos os desejos ou projecções que os outros fazem sobre nós. Somos responsáveis pela nossa vida, nossas decisões e suas consequências.

2. Podes seguir os sinais do teu corpo e emoções para te guiares. Por exemplo, imagina que tens duas opções para resolveres um problema. Quando pensas na opção 1 e a imaginas, sentes-te muito triste ou aborrecida/o ou até doente e quando pensas na opção 2, sentes-te muito feliz. Deves, obviamente, escolher a opção 2. Toma consciência da causa de te sentires mal. Por vezes, sabemos qual é a melhor opção, mas temos medo que não resulte ou temos medo de não conseguir. Neste caso, deves escolher esta opção e visualizar/imaginar um resultado positivo. Por vezes temos de ultrapassar os nossos medos  para nos tornarmos mais felizes e crescermos.

3. Segue a tua intuição. É o melhor conselho que posso dar. Quanto mais seguires a tua intuição, melhor a tua vida correrá. A intuição é o teu melhor guia pessoal.

4. Podes e deves desenvolver a tua intuição começando por meditar. Aqui tens uma meditação e um video sobre o assunto.

:)

Related Articles

0 intense minds:

Blog Archive

Follow this blog by Email

Follow me